10 de agosto de 2012

Senhor! faz um milagre em mim!.

Senhor! Faz um milagre em mim!.

“… Entra na minha casa, entra na minha vida…”

Esse hino evangélico ainda está na parada de sucesso, e em todos os lares se ouve e se canta “ Entra na minha casa, entra na minha vida, mexe com minha estrutura sara todas as feridas me ensina a ter santidade quero amar somente a ti, por que o Senhor é meu bem maior: Faz um milagre em mim”.

Vamos refletir um pouco sobre a narrativa bíblica que levou o autor desta canção a compor tão bela poesia, sem olharmos para as metáforas do autor, porém utilizando a exegese bíblica, ao Texto de Lc 19.1-10.
Segundo o Comentário do Novo Testamento Aplicação Pessoal, “Zaqueu era um publicano, influente e muito rico”. (2009, p.439) e tornou-se cobrador de impostos a Roma, atraído pela riqueza que tal posição prometia.

A Fama de Jesus percorria por toda a Palestina, e multidões o seguiam, e despertou, também, em Zaqueu a curiosidade de saber quem era Jesus.

“E, tendo Jesus entrado em Jericó, ia passando” (Lc 19.1) A curiosidade de Zaqueu foi aguçada, e este procurava ver quem era Jesus, mas não podia, por causa da multidão, pois era de pequena estatura. Sendo ele uma pessoa “esperta”, usou uma estratégia própria de suas astúcias: “correu adiante pela estrada e subiu a uma figueira brava para o ver, porque havia de passar por ali.” (v.2)

Pelo que se pode notar, a intenção de Zaqueu não era de chamar a atenção de Jesus, e sim, de ver o Senhor de forma discreta, sem que fosse notado pela multidão!…

A Bíblia registra um outro caso, o de uma mulher que havia doze anos com hemorragia, e esta vendo Jesus passar enfrentou a multidão, dizendo: se ao menos eu tocar a orla de suas veste, serei curada, (Mc 5.25), aquilo era difícil para ela, se considerado seu estado físico.

Há muitas pessoas que preferem ver Jesus, de longe, sem firmar um compromisso de segui-lo, temem a multidão, teme as tendências do momento, a não ser esporadicamente, enquanto está havendo multiplicação de peixes e pães, depende do evento. Quando a Palavra os confronta, começam a afastarem-se dele. A ponto de ficarem somente os discípulos, os quais não têm para onde ir pois reconhecem que só Ele tem Palavra de vida eterna. (Jo 6.67,68)

O Senhor sabe da nossa vida, sabe dos nossos pensamentos, sabe quem somos…

Quando Jesus passava por debaixo da árvore em que estava Zaqueu, permitiu não apenas que este o visse, mas também o quis ver: “E quando Jesus chegou àquele lugar, olhando para cima, viu-o e disse-lhe: Zaqueu, desce depressa, porque hoje me convém pousar em tua casa”. (v5).

Obs.  Zaqueu subiu para ver Jesus, e desceu para recebe-lo.

Não se conhece uma pessoa só a vendo passar de largo! Não se pode ver quem é uma pessoa só olhando para a sua aparência!… Há um dito popular, que as aparências enganam.
Zaqueu estava equivocado com seu propósito. Mas Jesus estava ali para cumprir a sua missão, Zaqueu também era parte do plano divino.

Tal foi a surpresa daquele homem, e da multidão: – Jesus ser hóspede de um homem pecador? Enquanto a Multidão murmurava, Zaqueu desceu apressadamente da árvore, e recebeu Jesus com alegria (v 6,7)…
Para encontrarmos com Jesus, é fundamental descermos até Ele e abrir a porta do coração para que Ele entre.

Porque não cantar: “Entra na minha casa, entra na minha vida, mexe com minha estrutura, sara todas as feridas. Me ensina a ter santidade quero amar somente a ti. Porque o Senhor é meu bem maior!… [o SENHOR] Faz um milagre em mim!”

 Quando Zaqueu desceu daquela árvore, ele vinha todo jubiloso, dizendo em seu coração, esse Jesus é mesmo tremendo, bem que disseram que Ele é o Messias, o Cristo, o filho de Deus!… Ah! Ele é muito mais do que me disseram, chamou-me pelo nome, e decidiu dormir lá em casa, enquanto tantos me rejeitam.

Você pode estar vivendo uma vida semelhante à de Zaqueu, sendo rejeitado pela sociedade, seu caráter vil o distanciado do povo e de Deus! Ou mesmo, simplesmente porque os outros não te compreendem, até crês que tens um bom caráter, mas o mesmo Jesus que olhou para cima e viu Zaqueu, porque temia enfrentar a multidão e subiu naquela árvore, Ele mesmo, está te contemplando agora aí onde tu estás, e te convida para também entrar em tua casa.

Quando Jesus entrou na casa de Zaqueu, este não tinha mais dúvida de que Jesus é o salvador, “E, levantando-se Zaqueu, disse ao Senhor: Senhor, eis que eu dou aos pobres metade dos meus bens; e, se nalguma coisa tenho defraudado alguém, o restituo quadruplicado” (v8)

Deveras o Senhor mexeu com sua estrutura! Zaqueu abriu mão de tudo o que praticava em desagrado à Palavra de Deus, para ter com Ele um relacionamento de comunhão e de nova vida.
O que te prendes, de servires ao Senhor de todo o teu coração?

Faça uma reflexão, e tal qual Zaqueu, desça de onde estás, e receba Jesus com alegria.

“E disse-lhe Jesus: Hoje veio a salvação a esta casa, pois também este é filho de Abraão. Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.” Vs 9,10)

“A Salvação veio a Zaqueu não porque ele fez boas obras, mas porque Verdadeiramente creu em Jesus e deixou de lado qualquer coisa que pudesse atrapalhar a sua obediência a Ele.”

(Finalizando).

“Me ensina a ter santidade quero amar somente a ti. Porque o Senhor é meu bem maior faz um milagre em mim!…”

Tal qual Zaqueu, declare ao Senhor sua disposição em servi-lo, e renuncie as coisas tais que atrapalham sua obediência a Ele, e então cante com alegria!… Faz um milagre em mim


Fonte: J-D-B - Pb. Paulo César / Pr. Adelino Justo Salvador – IEADAM.
Real: 15/05/11
Fonte:

0 Comentario:

Postar um comentário

Deiche aqui suas mensagens